do Gr. photós + páthos

Posted in filosofia by Paulo S. on 03/08/2017

— Não é propriamente que não goste de música — explica ele. — A música de Mozart e de Beethoven encanta-me e arrebata-me. É por isso mesmo que não quero ouvi-la. Dissolve o pensamento.

— Eu não te encanto e arrebato?

— Mas não dissolves o pensamento.

— Se eu te dissolvesse o pensamento, já não me querias?

— Queria-te na mesma, mas estupidamente.

TELMO, António, Contos, Lisboa, Aríon Publicações, 1999, p. 45.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: