do Gr. photós + páthos

O Cinema como Transmissão: da Psicanálise

Posted in filosofia by Paulo S. on 11/07/2011

John Huston, Freud, The Secret Passion (1962)
Alfred Hitchcock, Spellbound (1945)

Estes vão ser os filmes escolhidos para abordar o Cinema como Transmissão. São dois filmes que tratam explicitamente a Psicanálise, tendo como protagonistas psicanalistas. Na presença de dois grandes realizadores há um outro ponto a referir, a sua relação externa ao cinema: Alfred Hitchcock com Salvador Dalí (pintura) e John Huston com Jean-Paul Sartre (filosofia).

excerto de um texto de 6 páginas (Word, espaçamento 1,5) escrito para a CINEMA – Revista da Federação Portuguesa de Cineclubes (nº42), edição que nunca chegou a ser publicada.

A planificação d’ O Cinema como Transmissão: Parte I: da Psicanálise [freudiana]; II: da Condição Humana; III: da Literatura; IV: da Moral; V: da imagem de um Estado/País [westerns]; VI: da Filosofia; VII: da Realidade.
Cada parte daria num artigo. E cada artigo tratava a obra (os seus principais filmes) de dois ou mais realizadores.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: